Santa Bárbara

santa barbara4 de Dezembro – virgem e Mártir

martirio santa barbara

Martírio de Santa Barbara

Filha de pais pagãos, Bárbara aprendeu a amar a Deus observando a natureza, o céu, o sol, as estrelas e todas as maravilhas da terra.

Bárbara nasceu na Nicomédia, Bitínia, atual Turquia. Num lar pagão, desde pequena participava dos cultos e homenagens aos deuses. A menina cresceu bela e inteligente e aprendeu os valores cristãos a ponto de apegar-se a eles com toda a força da alma. Assim, instruída no cristianismo às escondidas, recebeu o batismo.

Mas chegou o dia em que seu pai tomou conhecimento disso. A princípio, tentou persuadi-la a voltar aos valores pagãos com argúcia e artimanhas. O tempo foi passando e nada de Bárbara render-se. As pressões sobre ela aumentaram e a sua desobediência também. Até que, um dia, o pai a agrediu fisicamente, com castigos severos. Bárbara resolveu fugir de suas mãos e escondeu-se numa gruta.

Foi encontrada por dois pastores e entregue ao pai, que a maltratou, novamente, de maneira terrível. Estava apenas começando o seu sofrimento e martírio. Nada conseguindo, o pai a entregou ao governador romano Marciano.

Impressionado com a beleza da jovem, o governante, a princípio, evitou maltratá-la. Tentou a tática da conquista, não somente para sua religião como também para si. Nada conseguiu e a jovem começou a ser flagelada sadicamente, várias horas seguidas, durante dias inteiros. Conta-se que jamais se ouviu uma queixa ou lamento.

Segundo a tradição, Bárbara era confortada e tratada à noite por um anjo, de tal modo que no dia seguinte se apresentava a Marciano como se nada lhe tivesse acontecido durante o dia anterior. Tanto foi seu sofrimento que uma outra jovem cristã se ofereceu para tomar o seu lugar. Tinha vinte anos de idade e seu nome era Emiliana. Não conseguiu substituí-la, sendo depois morta no mesmo dia que ela.

Nessa ocasião, foi seu próprio pai que lhe serviu de carrasco. O golpe da espada paterna fez rolar sua cabeça e nesse instante foi fulminado por um raio que caiu sobre ele. Tudo isso transcorreu no século III.

Por isso, até hoje, santa Bárbara é invocada a proteger seus devotos durante as grandes tempestades de raios e trovões. A cristandade do mundo todo a homenageia com a escolha do nome no batismo, também emprestado para várias cidades que a têm como padroeira.

Santa Barbara também é padroeira dos “Mineiros”

A 4 de Dezembro é comemorado, em todo o mundo, o dia de Santa Bárbara. A este propósito dá-se a conhecer um texto (extraído de uma palestra proferida pelo Prof. F. Mello Mendes no Instituto Superior Técnico, nas 1as Jornadas de Comemoração do Dia de Santa Bárbara, em 4 de Dezembro de 2003) acerca do historial e culto, que explica a origem da devoção dos mineiros por esta figura.

Para compreender a devoção dos mineiros por Santa Bárbara importa entrar um pouco no conhecimento da história da respectiva vida lendária. Sobre esta história existem numerosas versões, a mais difundida das quais considera Bárbara nascida no início do Séc. IV em Nicomédia, actual Ismite, cidade da antiga Bitínia, na Ásia Menor, junto ao Mar de Mármara; era então Imperador Romano Maximiano Hércules.

Segundo esta versão, Bárbara era uma jovem invulgarmente bela, filha de Dióscoro, homem rico e poderoso, adorador dos deuses grego-romanos. Este, desejando destinar sua filha a um bom casamento, que também constituísse para ele uma vantajosa aliança, e por ter de partir em viagem, encerrou-a numa torre, mandando construir ali um balneário com duas janelas.

No seu isolamento, Bárbara terá entrado em profunda meditação, acabando por se converter à fé cristã, então seriamente proibida no país e já motivadora de perseguições. Na ausência do seu pai, Bárbara mandou abrir no seu balneário uma terceira janela para que assim, segundo ela, recebesse uma luz que representasse a Santíssima Trindade. Também iluminada pela Santíssima Trindade terá desenhado uma cruz com o dedo, no mármore da balneário, que ali ficou profundamente gravada e que, conforme vários relatos, teve efeitos milagrosos para os que, mais tarde, a tocaram. Além disso mandou destruir os ídolos pagãos que seu pai ali tinha.

Quando Dióscoro regressou da viagem, interrogou sua filha, que explicou o que tinha feito e informou seu pai que recusava qualquer casamento, pois já se tinha destinado a Jesus Cristo. Aquele, furioso, desembainhou a espada para a castigar, o que fez com que Bárbara fugisse e se ocultasse no interior de um rochedo que, segundo a lenda, se terá aberto para a esconder. Numa versão da Idade Média, que situa a história lendária de Bárbara perto de Atenas, a jovem terá sido protegida por mineiros de Laurio que a esconderam na sua mina. Denunciada por um pastor, Bárbara terá sido entregue ao seu pai que a levou a Marciano, máxima autoridade romana da cidade, acusando-a de professar o Cristianismo. Marciano quis perdoá-la, se Bárbara aceitasse os deuses de Roma, mas a jovem terminantemente recusou.

Por várias vezes açoitada cruelmente, Bárbara terá pedido sempre o auxílio a Deus, tendo Jesus aparecido assegurando-lhe que estaria sempre a seu lado, de modo que as crueldades dos tiranos nada pudessem contra ela. Nesse momento, Bárbara ter-se-á sentido curada e terá dado muitas graças a Jesus, assegurando-lhe que o seguiria para sempre.

Não conseguindo demovê-la da sua fé em Jesus, Marciano, no cúmulo do furor, tê-la-á mandado decapitar. Dióscoro, seu pai, que terá solicitado ser ele o executor, terá levado Bárbara ao alto de um monte onde esta se terá ajoelhado e pedido a Jesus que, na hora da sua iminente morte, a absolvesse de todos os seus pecados. Levada pela sua bondade, terá pedido também que a mesma graça fosse concedida a todos os que, em situações de morte iminente, por seu intermédio implorassem a Extrema Unção. Tendo recebido de Jesus a garantia da satisfação destes pedidos, Bárbara terá sido decapitada pelo seu cruel pai. Isto ter-se-á passado no dia 4 de Dezembro, dia de futuro dedicado à Santa. Continua a lenda que, entretanto, o céu escurecera, se tornara tempestuoso e que, quando Dióscoro encetou o regresso do monte, um raio o fulminou, reduzindo-o a cinzas. E assim, enquanto Bárbara terá subido ao Céu levada por anjos, Dióscoro terá descido ao Inferno para ser atormentado para sempre pelos demónios.

A adoração da Santa Bárbara por parte do mineiros, ao ponto de a elegerem como Padroeira, poderá encontrar-se na sua história lendária. Para além de relações possíveis, que podem ser consideradas menores, do refúgio de Bárbara no interior da terra , quando primeiramente perseguida pelo pai, parece fora de dúvida que o motivo essencial da adoração se encontre na súplica, feita pela Santa a Jesus, para que, quando em situações de morte iminente, todos os que implorassem a Deus, por seu intermédio, a Extrema Unção, a obtivessem, ficando absolvidos de todos os seus pecados. Tais situações de morte iminente tê-las-iam sempre os mineiros diante dos olhos quando no seu trabalho no subsolo.

Este também é o motivo pelo qual Santa Bárbara é também venerada, como Padroeira, por outras profissões (artilheiros, pirotécnicos, bombeiros, etc.); outras profissões, relacionáveis com a torre, tanto quanto à respectiva construção (cabouqueiros, pedreiros, arquitectos) como quanto à respectiva utilização como prisão (presidiários, se tal se pode considerar uma profissão, e guardas de prisão), têm igualmente a Santa como Padroeira. No mundo inteiro, Santa Bárbara mantém-se Padroeira dos mineiros.

12 Comentários

  1. Arlete
    dez 04, 2009 @ 22:19:48

    Obrigada, Danilo, por publicar esse texto, através do qual fiquei conhecendo mais sobre a vida de Santa Bárbara a quem eu tenho muita devoção.
    Santa Bárbara, agradeço por todos os meus pedidos atendidos. Protegei-nos nas tempestades da nossa vida.

    Reply

  2. Plínio Pinheiro
    dez 05, 2009 @ 11:39:24

    Caros amigos. Segue mensagem recebida por mail, do Pe. Marcelo.

    Não Espere

    Não espere um sorriso para ser gentil;

    Não espere ser amado para amar;

    Não espere ficar sozinho para reconhecer o valor de quem está ao seu lado;

    Não espere ficar de luto para reconhecer quem hoje é importante em sua vida;

    Não espere o melhor emprego para começar a trabalhar;

    Não espere a queda para lembrar-se do conselho;

    Não espere…

    Não espere a enfermidade para perceber o quanto é frágil a vida;

    Não espere pessoas perfeitas para então se apaixonar;

    Não espere a mágoa para pedir perdão;

    Não espere a separação para sentir saudade;

    Não espere a dor para crer na oração;

    Não espere elogios para acreditar em si mesmo;

    Não espere…

    Não espere que o outro tome a iniciativa se você foi o culpado;

    Não espere o eu te amo, para dizer eu também;

    Não espere ter dinheiro para contribuir

    Não espere o dia da sua morte para começar a amar a vida;

    E então, o que você está esperando?

    Não importa sua idade. Um bom final de semana a todos…. Plínio Pinheiro

    Reply

  3. Noeli T. Leo
    dez 06, 2009 @ 14:54:57

    BONITA MENSAGEM PLINIO,

    NÃO DEVEMOS ESPERAR, DEVEMOS ACREDITAR E REALIZAR POIS ATRAVÉS DE NOSSA FÉ E DE NOSSAS AÇÕES TUDO PODE ACONTECER.

    BOM DOMINGO!!!

    Reply

  4. Gleison Alves Cabral
    abr 03, 2010 @ 23:07:30

    Nossa Senhora, traga o Lucas Martins de volta.Eu tô sofrendo e tô querendo deixar a luz de minha vida se apagar. Ninguém é perfeito aqui na terra.Só Deus Uno e Trino é perfeito.Disso não tenho dúvidas das lições suas, Mãe.Feliz Páscoa para o mundo!

    Reply

  5. ana maria
    abr 14, 2010 @ 21:15:40

    peço que rezem por João Bosco da Silva para que ele volte pra casa, estamos sofrendo muito a sua ausencia, para que deus toque em seu coração. Obrigado

    Reply

  6. graciela
    abr 19, 2010 @ 12:14:50

    mai te pido que protejas mi casa deme salud y a mi familia que tenga un hogar para pasar el resto de mi vida apartame de las personas que me quieren hacer mal que siga el juicio parado de mi casa que siempre mai de pasos para delante y nunca para atras protejeme de la policia aye de triunfos gracias epaieo rey yansa

    Reply

  7. graciela
    abr 19, 2010 @ 12:16:36

    te prometo may tenerte siempre con luz

    Reply

  8. Arlete Hernandez
    dez 04, 2010 @ 19:32:41

    Agradeço à Santa Bárbara todos os pedidos atendidos e à proteção dada a esta sua devota. Amém!

    Reply

  9. Eunice Molina. Curitiba.
    dez 05, 2010 @ 20:13:45

    Querido padre julio boa noite.
    A algum tempo mudei meu horario de missa aqui nas Mercês,vou indo de manhã [10,30].
    Hoje deste a hora que entrei ficava olhando a imagem de Nossa Senhora e pedia a ela o tempo todo ao senhor, senti algo diferente como um aviso.
    E agora minha emoção de saber, ver o senhor e ouvir sua homilia. Embora te achando triste e bem abatido fiquei feliz isto é um bom sinal.
    Esta tendo força para começar. Agradeci a Nossa Mãe tão querida pois quase na mesma hora que eu estava aqui rezando e pedindo o senhor ai celebrando [Que alegria] como Deus é bom atendendo nossa preces. Procure ainda ter bastante repouso para logo esta forte novamente como sempre foi e passa isto a todos[Força} .
    Deus abençõe muito que Nossa Senhora das Mercês da Misericordia acolha com seu manto envolvendo com toda a ternura.
    PAZ E BEM.

    Reply

  10. Arlete Hernandez
    dez 04, 2011 @ 11:09:03

    Santa Bárbara, atenuai as tempestades da nossa vida! Obrigada pelas graças e pedidos atendidos. Rogai por todos nós! Amém!

    Reply

  11. diogo luiz
    dez 04, 2011 @ 13:49:55

    santa barbara obrigado pelas gracas alcancadas

    Reply

  12. luciene moraes
    fev 09, 2012 @ 21:48:48

    PEÇO SAUDE E PROTEÇÃO PRA MIM E MINHA FILHA DRIELLE MORAES PEÇO PELOS NOSSOS SONHOS E DESEJOS,PEÇO PELAS NOSSAS VIDAS MATERIAL,SENTIMENTAL,FISICA E ESPIRITUAL,AMÉM LUCIENE MORAES

    Reply

Deixe um comentário